Por que mapas?

Salve Itu

Mapas permitem a identificação de elementos de relevância para quem os faz. Permitem a descoberta de detalhes particulares do mundo e ao mesmo tempo um pouco mais de compreensão sobre a complexidade da união destes instantes. Fazer mapas significa poder observar o pequeno e imaginar o todo.

Cada mapa apresenta uma série de pontos geograficamente referenciados. Eles podem ser criados com uma série de camadas que se sobrepostas criarão um mosaico de identificações. As características de determinado lugar podem ser delimitadas sob diversos interesses, quiçá distintos. As camadas podem abranger características ambientais, culturais, sociais, econômicas, psicológicas, sensoriais, tecnológicas, políticas e de qualquer outra área que seja desejável.

Duas perguntas

Os mapas podem identificar as potencialidades e vulnerabilidades de determinada comunidade quando realizados em multidão. Para cada novo item adicionado ao nosso mosaico de informações o internauta pode se perguntar:

– Quais os potenciais da cidade de Itu?

e refletir a possibilidade de um rolezinho por ruas e caminhos por ele desconhecidos e repletos de maravilhas. Ou pode se perguntar:

– Quais as vulnerabilidades socioambientais da cidade?

Aí você já sabe, checklist de problemas! (são muitos será?).

A representação gráficas das estruturas complexas que criam uma cidade é facilitada pelas tecnologias de informação abertas, de código livre e que nos permitem “levantar” esta plataforma em 4 dias. A partir de então contamos com a atenção de cada internauta que por aqui nos encontrar: crie sua conta, circule informação. Comente, curta, divulgue – você já sabe o que fazer.

Ferramentas

Em torno de perspectivas o internauta poderá comentar, curtir, divulgar e principalmente: inserir novos itens em nosso mapa. Assim a plataforma provê ferramentas conectadas através de um mapa inicial

Você pode adicionar quantos itens quiser, mas apenas um de cada vez. E para dar suporte e apoio à construção destes caminhos coletivos teremos uma série de roteiros especiais, reportagens, bibliotecas temáticas, etc. Muitas possibilidades. Por isso escolhemos os mapas, eles permitem todos os caminhos quando transparentes.

Quadro geral das ações

Quadro geral das ações:

  1. Definir seu tema de interesse
  2. Encontrar pontos no mapa
  3. Dialogar sobre os pontos
  4. Compartilhar novos pontos

 

Espalhe
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Next Post

13300 - our place in the world

The 13300.org is a communication tool about geographic points of interest to the environmental community of Itu, São Paulo, Brasil. Those interested in discovering and understanding the dynamics of unsustainable development of the city can use the information posted here as a means of gaining support from others, creating conditions […]
Vista aérea da cidade com ícones

Subscribe US Now